Cruzamento Industrial – Nelore x Angus

O mercado de carne está cada vez mais exigente, tanto para os consumidores de carne quanto para os frigoríficos. Por esse motivo os pecuaristas buscam satisfazer o mercado interno e externo através da qualidade de seus produtos. O cruzamento industrial, nelore com angus é o mais buscado pelos fazendeiros, isso se dá pelo baixo custo de produção e pela qualidade da carne. 

No estado do Mato Grosso, localizado na cidade Alta Floresta, buscamos um exemplo de criação de cruzamento industrial do fazendeiro Rafael Sella. Nessa propriedade também cria se cavalos da raça Quarto de Milha.

– Como é feita a seleção do rebanho de corte?

“Nossa seleção foi feita através de compra de vacas nelore oriundas de diversos plantéis. As quais foram inseminadas e entouradas com indivíduos de características desejáveis para a produção de carne.”

– Qual o tipo de cruzamento que a propriedade utiliza?

“Utilizamos o cruzamento entre vacas nelore e touros angus.”

– A terminação é a pasto ou em confinamento?

“Nossa terminação consiste na suplementação do gado à pasto até o abate.”

– Como é a nutrição utilizada para os animais?

“Após desmamados os bezerros são suplementados com proteico 0,3% até a fase de terminação. Nesta fase, com o gado ainda a pasto, fornecemos ração equivalente a 1% do peso vivo até alcançarmos o acabamento desejado.”

– A reposição de gado é dado pela compra externa de tourinhos ou bezerros?

“A reposição é feita com bezerros nascidos na fazenda frutos do cruzamento de touros de compra e inseminação artificial.” 

–  Na época da seca, existe algum cuidado para os animais não perderem peso?

“O cuidado começa no período das águas onde preparamos os animais e o pasto para a seca, mantendo uma boa reserva de capim e se necessário a suplementação do gado no período da seca.”

– Qual a forragem que é predominante na fazenda?

“A fazenda é dividida entre braquiária e zuri.”

Rafael finaliza a entrevista dizendo – “Os anos que estou à frente da fazenda me mostraram que é necessário ter objetivos traçados antes da escolha de qualquer cruzamento. Uma época em que precisamos ser eficientes para continuarmos no mercado, precisamos fazer uso de todas as ferramentas disponíveis, uma delas é a produção de carne de qualidade obtida através de cruzamentos, o qual nos permite manter uma operação rentável. Outra ferramenta imprescindível é uma equipe bem treinada que preze pelo bem-estar animal.”

The following two tabs change content below.

Victoria Hueb

Graduanda em Medicina Veterinaria pela Universidade Federal de Uberlândia. Nascida e criada por pecuaristas da região de Uberaba e Campo Florido. Apaixonada por cavalos e seus esportes!

Latest posts by Victoria Hueb (see all)

Compartilhe: