Tradição Familiar

A paixão pelas fazendas, criação de animais seja para produção ou lazer, existe uma trajetória no Brasil. Essa trajetória que é passada dos pais para os filhos, atravessando por várias linhas genéticas até os dias de hoje. O patrimônio aumenta, intensifica a produção com tecnologias e meios de manejo atuais que geram resultados para continuar a tradição na família. A sabedoria e a experiência do passado une com a tecnologia do futuro.

Em 1975, na cidade de Uberaba – MG, o Dr. José Adelmo Correa comprou a Fazenda São José para iniciar a criação de gado Gir Leiteiro PO. Atualmente, a geração chegou aos seus netos. O engenheiro agrônomo, Tarick Correasegue com a propriedade do avô e trabalha em conjunto da família, na criação de gado de corte.

– Atualmente, qual a principal raça de gado de corte da fazenda?

Quando é gado de compra olhamos mais para o peso, já os criolos nascidos na fazenda, concentramos a compra de sêmen para as IATFs mais nas raças nelore e angus.

– Como é feito o manejo na fazenda?

Programamos a estação de monta para que os nascimentos se concentrem mais nos meses de agosto e setembro, os desmames são feitos com 6 meses. As compras são feitas todos os meses de acordo com o estoque de rebanho e os abates tentamos concentrar mais nos meses de outubro e novembro.

– Quando houve e porque a mudança do gado gir para o gado de corte? De quem foi a iniciativa, e como a sua família reagiu a transição?

Nessa época eu era muito novo, mas segundo conversa dos meus pais naquele momento a atividade leiteira não estava tão interessante, e como tínhamos a inflação muito alta, as vezes se comprava um gado de corte e dentro de sessenta dias ele podia dobrar de preço, foi uma opção de mudança para tentar se obter maiores ganhos. Toda mudança requer um pouco mais de atenção, como treinamento de equipe, mudança de estrutura e afins.

– Qual é a reação dos seus antepassados ao verem os netos trabalhando com o agronegócio?

Já sou terceira geração, é muito gratificante para meus avos e meus pais saberem que seguirei na atividade, sem a sucessão tudo construído seria em vão.

– Qual a principal experiência adquirida por você através do seu avô para administrar a propriedade?

A experiencia passada é de que a finalidade de qualquer atividade dentro do sistema capitalista tem como objetivo o lucro, então para se ter ele, é preciso saber custos de produção, ter bons índices zootécnicos e programar bem a venda de seus produtos.

– Qual é o maior obstáculo para ajudar nos trabalhos da fazenda?

O maior obstáculo em uma sucessão acho que é no começo do trabalho. A conquista do respeito da equipe e a conquista da confiança dos pais seria os primeiros desafios.

– Qual a importância dos programas de gestão de software de fazendas na sucessão familiar?

O programa de gestão hoje, é muito eficiente, atual e necessário. Lá você tem toda a vida da empresa, fluxo de caixa, entrada e saída do rebanho, dados reprodutivos do rebanho, identificação de cada animal, ganho médio diário de peso de cada animal e por lotes, entre vários outras ferramentas. No caso da falta de qualquer gestor, seus sucessores terão acesso a tudo atualizado, diferentemente de antigamente que se demorava mais de ano ate que se fizesse levantamento de tudo. Enfim, inevitável o uso.Muita informação = Tomada de decisão rica.”

– Como o Sr. prevê o mercado para o futuro?

O mercado acaba de passar por um grande reajuste na arroba, isso com certeza trará mais investimentos dos produtores em melhores tecnologias na atividade, e isso é bom pra toda cadeia.

Ao finalizar, Tarick diz da importância dos programas de gerenciamento de fazendas relacionado com a geração familiar – “A base de dados gerados nos programas de gestão pecuária, nos deixam rico de informações para analisarmos a evolução zootécnica de geração para geração e isso, nos dá um norte para que rumo tomaremos nas atividades futuras. Enfim, os programas hoje são essências, quem não se adaptar a eles, ficará no “eu acho”.”

The following two tabs change content below.

Victoria Hueb

Graduanda em Medicina Veterinaria pela Universidade Federal de Uberlândia. Nascida e criada por pecuaristas da região de Uberaba e Campo Florido. Apaixonada por cavalos e seus esportes!

Latest posts by Victoria Hueb (see all)

Compartilhe: