6 DICAS para melhorar a Taxa de Prenhez do seu rebanho!

Em um sistema de cria, quando o assunto é a rentabilidade do rebanho, um dos indicadores mais importantes é o de fertilidade das vacas, ou seja, analisar a performance reprodutiva dos animais é indispensável para o sucesso na criação de bovinos. De acordo com especialistas da área, a ferramenta mais eficiente para medir essa performance é a Taxa de Prenhez, mas afinal, o que é isso?

Taxa de prenhez é a relação do número de fêmeas prenhes em relação a quantidade de vacas que foram inseridas em um programa reprodutivo. E pode ser calculada na Estação de Monta ou em períodos mais curtos, como por exemplo, após a primeira sincronização das fêmeas.

Como calcular?

Para encontrar qual foi a taxa de prenhez dos animais, basta calcular a razão entre o número de vacas prenhes e a quantidade de vacas inseridas no programa reprodutivo:

Taxa de Prenhez = Nº de vacas prenhes x 100 / Nº de fêmeas inseminadas ou cobertas

Outro ponto interessante relacionado a Taxa de Prenhez é que ela pode ser calculada em ralação à diversas variáveis como:

  • Partida ou Lote do Sêmen;
  • Touro;
  • Inseminador;
  • Implante (IATF);
  • Nº de Parições da Vaca;
  • Score Corporal.

Todas essas informações auxiliam pecuaristas e veterinários a tomarem decisões mais assertivas para as próximas estações de monta, visando o crescimento da taxa de prenhez, e, consequentemente uma melhora nos resultados da fazenda.

Vacas Nelore paridas

Foto: Flickr, por Marcus Junqueira

Dicas

Como sabemos que um dos grandes desafios da pecuária é elevar a taxa de prenhez, preparamos algumas dicas que contribuem para a melhoria desses índices:

1. Cuidados com a qualidade do sêmen

Para propriedades que adotam regimes de inseminação artificial, sendo ela em tempo fixo ou não, a maneira com que o sêmen é manipulado interfere diretamente em sua fertilidade. Evitar a exposição de palhetas a temperatura ambiente e manter o nível adequado de nitrogênio no botijão são práticas fundamentais para que aquele sêmen não perca a qualidade. Também é recomendado que eles sejam descongelados em água aquecida a 37ºC por um período de 30 segundos, e seja manipulado por pessoas treinadas.

Vale lembrar que 50% do sucesso de uma prenhez não é de responsabilidade da vaca, e sim do sêmen.

2. Cuidados com a sanidade e fertilidade dos touros

Para fazendas que adotam a monta natural ou touros de repasse em seu sistema produtivo, é indispensável a análise da fertilidade e da sanidade desses animais, é necessário que se faça um exame andrológico dos animais e controle periodicamente sua sanidade, para evitar a transmissão de doenças relacionadas a reprodução e que causam infertilidade.

3. Cuidados com a qualidade da mão-de-obra

A mão-de-obra é um fator determinante para os bons índices de Taxa de Prenhez, por isso é importante manter seu inseminador consciente da importância de seu trabalho e deixa-lo atento às questões higiênicas e às boas práticas de manejo dos animais e dos sêmens.

Outra maneira interessante de melhorar a qualidade da mão-de-obra é investir em treinamento e capacitação do time de inseminadores, cursos e acompanhamentos veterinários são fundamentais para a melhoria do desempenho desses profissionais. Além disso, pode-se estabelecer metas individuais acompanhadas de um bônus salarial, por exemplo, pois isso funcionará como um estímulo para elevar a qualidade do serviço prestado, elevando a taxa de prenhez.

4. Atenção na sanidade do rebanho

Algumas doenças infecciosas podem afetar o desempenho reprodutivo dos animais, causando repetição de cio e abortos, por isso elas precisam ser rapidamente identificadas, e os animais tratados ou descartados, para que o restante do rebanho não seja infectado.

5. Cuidados com o bem-estar animal

Bem-estar é um dos fatores primordiais para se obter altas taxas de prenhez. Temperatura elevada, taxas de lotação excessiva, manejo inadequado, baixa oferta de água e alimentos são fatores que estressam os animais, e isso gera latas taxas de mortalidade embrionária precoce.

6. Adequação do manejo nutricional

Reprodução e nutrição são dois fatores que estão diretamente relacionados, então, se a nutrição dos animais não estiver adequada, provavelmente os resultados relacionados a reprodução serão abaixo dos esperados. É importante que se controle a condição corporal das fêmeas (score), para que elas possam expressar todo seu potencial reprodutivo e tenham boas taxas de prenhez.

Todas essas dicas exigem baixo investimento financeiro, pois estão relacionados a correção de erros e boas práticas de manejo nas fazendas e podem melhorar consideravelmente as taxas de prenhez da sua fazenda. Com a adoção de estratégias de sucesso, maior será o numero de vacas prenhes em sua fazenda e, consequentemente, seu sistema produtivo se tornará mais rentável.

Quer saber mais sobre os Principais Índices Zootécnicos para Pecuária de Corte? Clique Aqui!

 

 

The following two tabs change content below.

Leonardo Pinhoti dos Santos

Latest posts by Leonardo Pinhoti dos Santos (see all)

Compartilhe: